Maria Estela Guedes, Diário Popular, Lisboa, 1980.
Print

Eduardo Pitta não é um romântico, é um poeta que recusa toda a forma de evasão.